top of page
  • Foto do escritorVinicius Andrade

POR QUE INVESTIR?

Atualizado: 17 de mai.



Como meu primeiro artigo sobre investimentos e assumindo o foco em falar sobre o mercado financeiro, ativos, ideias, teorias, insights e tudo mais, nada melhor que explorar a seguinte questão: “Por que investir?”.


Pois já que daqui para frete dedicaremos tempo e trabalho para estudar esse mundo, que não é fácil, pode ser as vezes simples, mas nunca fácil, seja por envolver questões emocionais, psicológicas e técnicas. Assumiremos riscos, teremos expectativas, frustrações, teremos que ter também paciência e disciplina.


Dado tudo isso, em algum momento da nossa jornada como investidor, perguntaremos para nós mesmos, “Por que estou investindo? Será que estou no caminho certo?”

Então neste artigo, vou procurar dar alguns motivos para você começar essa jornada ou continuar nela.


Primeiramente é importante eu ressaltar duas coisas sobre o mercado financeiro e te fazer algumas perguntas:


Você começou a estudar o mercado financeiro/investimentos com o objetivo de viver do mercado, ficar rico rápido ou mudar de vida no curto prazo?


Se sim, sinto muito, mas vou te dar uma má notícia: viver do mercado realizando operações especulativas de curto prazo procurando ter lucros rápidos e transformando-os em sua principal fonte de renda, assim como mostra algumas figuras da internet em seus carros de luxo, rodeados de dinheiro e viajando o mundo todo, é um tanto quanto ilusório e até chega a ser utópico.


Afirmo isso pois é algo que me deparei no começo da minha jornada como investidor e me deparo até hoje com promessas de ganho rápido no curto prazo. Então logo entendi como o jogo funcionava e no que eu deveria me concentrar. O que nos faz partir para a próxima pergunta.


Você está procurando estudar o mercado financeiro/investimento com o objetivo de começar a sua formação de patrimônio, estabelecer uma renda passiva, ter um complemento de renda na aposentadoria ou em busca de um objetivo material específico?


Se sim, aí já te dou uma excelente notícia: você está no caminho certo porque é justamente para isso que o mercado financeiro serve e é o que eu acredito!


O mercado financeiro possibilita tudo isso, pois nele há uma série de ativos com diversas remunerações, rentabilidades, prazos e valores para começar a investir. Seja você conservador, moderado ou agressivo. Isso tudo de forma muito democrática e acessível.


Pois pensemos o seguinte; imagino que você deva ter algum ofício, seja médico, engenheiro, administrador, programador, enfermeiro, dentista, entre outros. O que eu acredito é que você tem que focar no que faz de melhor e realmente sabe ganhar dinheiro, se desenvolver nisso melhorando cada dia mais, e quando receber a recompensa por todo o seu trabalho feito, você destinar uma parte saudável disso para o mercado financeiro, que vai procurar proteger seu patrimônio da inflação ou até multiplicá-lo no longo prazo.


Pois existe duas formas de renda: a renda ativa e a renda passiva. A renda ativa é o recurso que você adquire fruto do seu trabalho. E a renda passiva é justamente o recurso que você adquire vindo dos seus investimentos, o que nos traz riqueza e a tão sonhada independência financeira e é justamente onde o mercado financeiro atua.


Uma frase que eu gosto muito e que não se sabe quem à pronunciou, mas faz muito sentido é ''Não é preciso ser rico para investir, mas é preciso investir para se tonar rico''.


Com essa frase que concluo, a resposta do ''por que investir?'' É porque você precisa de uma forma prática, simples e democrática para depositar os frutos do seu trabalho, mantê-lo seguro e se multiplicando ao longo do tempo, recompensando todo o esforço que foi feito para tê-lo.



















33 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

ROE

ROE (Return on Equity), ou Retorno sobre o Patrimônio Líquido, é um indicador financeiro que mede a capacidade de uma empresa em gerar lucros a partir do seu patrimônio líquido. Ele mostra a eficiênci

ROA

ROA (Return on Assets), ou Retorno sobre Ativos, é um indicador financeiro que mede a capacidade de uma empresa em gerar lucros a partir dos seus ativos totais. Ele mostra quão eficiente uma empresa é

MARGEM LÍQUIDA

A Margem Líquida é um indicador financeiro que mede a rentabilidade final de uma empresa, ou seja, o quanto do seu faturamento se transforma em lucro líquido após a dedução de todos os custos, despesa

Commentaires


bottom of page