top of page
  • Foto do escritorVinicius Andrade

DÍVIDA LÍQUIDA/EBITDA

A métrica "Dívida Líquida sobre EBITDA" é um indicador financeiro que mede a capacidade de uma empresa de pagar suas dívidas usando os lucros operacionais antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA). Este índice é amplamente utilizado para avaliar a alavancagem financeira e a saúde financeira de uma empresa, especialmente sua capacidade de honrar suas obrigações de dívida.


Definições


Dívida Líquida: É a dívida total de uma empresa subtraída do caixa e equivalentes de caixa. A fórmula é:


Dívida Líquida = Dívida Total - Caixa e Equivalentes de Caixa


EBITDA: Significa "Earnings Before Interest, Taxes, Depreciation, and Amortization" (Lucros antes de Juros, Impostos, Depreciação e Amortização). É uma medida do lucro operacional da empresa, calculada como:


EBITDA = Receita - Custos Operacionais


Cálculo da Dívida Líquida sobre EBITDA


A fórmula para calcular a relação Dívida Líquida sobre EBITDA é:


Dívida Líquida sobre EBITDA = Dívida Líquida / EBITDA


Interpretação


  1. Índice Baixo: Um índice baixo indica que a empresa gera lucros operacionais suficientes para pagar sua dívida líquida em um curto período de tempo. Isso sugere uma menor alavancagem financeira e, possivelmente, um menor risco de inadimplência.

  2. Índice Alto: Um índice alto sugere que a empresa pode ter dificuldades em gerar lucros operacionais suficientes para pagar sua dívida líquida, indicando uma maior alavancagem financeira e um maior risco financeiro.


Exemplo


Suponha que uma empresa tenha os seguintes dados financeiros:


  • Dívida Total: R$ 10.000.000

  • Caixa e Equivalentes de Caixa: R$ 2.000.000

  • EBITDA Anual: R$ 4.000.000


Primeiro, calculamos a Dívida Líquida:


Dívida Líquida = R$ 10.000.000,00 - R$ 2.000.000,00 = R$ 8.000.000,00


Conclusão


Um índice de 2 significa que a empresa levaria aproximadamente dois anos de EBITDA para pagar sua dívida líquida, assumindo que todo o EBITDA fosse usado para esse fim. Esse valor deve ser interpretado no contexto do setor e da situação financeira específica da empresa. Em geral, um índice mais baixo é preferível, pois indica uma menor dependência de dívida e um menor risco financeiro.


Usos e Limitações


  • Usos: Este índice é útil para investidores, credores e analistas financeiros ao avaliar a alavancagem e a capacidade de uma empresa de pagar suas dívidas. Também pode ser usado para comparações entre empresas do mesmo setor.


  • Limitações: A métrica não leva em consideração a estrutura de capital da empresa, as condições econômicas e outros fatores que podem afetar a capacidade de pagamento da dívida. Além disso, o EBITDA não é uma medida de caixa real e pode ser influenciado por políticas contábeis.


O indicador Dívida Líquida sobre EBITDA é uma ferramenta poderosa para a análise financeira, proporcionando uma visão clara da alavancagem da empresa e de sua capacidade de honrar suas obrigações de dívida.

1 visualização

Posts recentes

Ver tudo

ROE

ROE (Return on Equity), ou Retorno sobre o Patrimônio Líquido, é um indicador financeiro que mede a capacidade de uma empresa em gerar lucros a partir do seu patrimônio líquido. Ele mostra a eficiênci

ROA

ROA (Return on Assets), ou Retorno sobre Ativos, é um indicador financeiro que mede a capacidade de uma empresa em gerar lucros a partir dos seus ativos totais. Ele mostra quão eficiente uma empresa é

MARGEM LÍQUIDA

A Margem Líquida é um indicador financeiro que mede a rentabilidade final de uma empresa, ou seja, o quanto do seu faturamento se transforma em lucro líquido após a dedução de todos os custos, despesa

Comentários


bottom of page